terça-feira, 6 de novembro de 2007

I MISS YOU!!!


Eu tenho dessas coisas, as vzs acordo com saudade de um lugar. Nao tenho saudade de pessoas, talvez por estar com as pessoas que amo sempre, mesmo a distancia. Tenho saudade de toca-las, abraca-las, mas nao fico saudooosa.
Sabendo que estao bem, estou bem.
Mas por lugares eu sinto saudade.
Sinto saudade de meu olhar pelo lugar, o cheiro, os sons, as pessoas e seus habitos.
Sinto saudade do que posso encontrar ao caminhar, da personalidade da cidade.
Sou muito musical, cada lugar pra mim tem uma musica, identifico com uma musica.
As vzs so percebo que eh a tal da saudade quando me pego cantando sem parar a musica do lugar.
A musica que venho cantando ha alguns dias eh essa...

Samba do Avião

Tom Jobim/Vinicius de Moraes

Minha alma canta
Vejo o Rio de Janeiro
Estou morrendo de saudade
Rio, seu mar
Praia sem fim
Rio, você foi feito prá mim
Cristo Redentor
Braços abertos sobre a Guanabara
Este samba é só porque
Rio, eu gosto de você
A morena vai sambar
Seu corpo todo balançar
Rio de sol, de céu, de mar
Dentro de mais um minuto estaremos no Galeão
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro

Cristo Redentor
Braços abertos sobre a Guanabara
Este samba é só porque
Rio, eu gosto de você
A morena vai sambar
Seu corpo todo balançar
Aperte o cinto, vamos chegar
Água brilhando, olha a pista chegando
E vamos nós
Aterrar...

E aqui para quem quiser ouvir e admirar...

12 comentários:

Joel disse...

É a pura verdade, os lugares dão saudade sim. Até hoje, mesmo sabendo que está um horror depois do 11 de setembro, tenho saudades de New York, uma cidade onde morei por três vezes e que chegou a ser a minha pátria no mundo. Ainda tenho vontade de voltar lá, passear pelo Soho, pelo Tribeca, olhar a mulherada executiva da Quinta Avenida, rir no Central Park.
O Rio com certeza não é aquele mesmo Dani, mas imagino a sua saudade dele.
abraço
Joel

Dani Fariah disse...

Oi Joel!
Olha, sem nunca ter morado em NY eu tbm tenho saudade desses mesmissimos lugares que vc falou. Andar pelo Soho e Tribeca, aquelas lojinhas diferentes, aquelas galerias, lojinhas de musica, ai, ai, tenho q ir passear la antes de esfriar mais.
E o Rio de Janeiro...
Ah Joel, tem tanto tempo q ele nao eh mais o mesmo...
Mas eu sou romantica e cheia de esperancas, nunca pessimista. Eu acho que depois q o mundo acabar novamente, ele ressurgira melhor, o joio e otrigo se separarao. Pena nao ser mais p mim...

Meu filho diz que eh do Hell de Janeiro, rs. Ele tem razao.

Joel disse...

�pa, h� um erro geogr�fico e teol�gico a�. O Rio est� longe, muito longe de ser o inferno itself. No inferno (que � um lugar concreto e geograficamente definido) fica-se pela eternidade a fora ausentes de Deus, sem contato algum com nada Dele. Mas no Rio n�o! Deus pode ser encontrado em cada esquina. Avisa isso a� pro teu guri..
O Rio ainda t� mais pr�ximo do para�so que do inferno, Dani, acredite!

Anônimo disse...

O que qui deu na letra aí em cima? O capeta num gosta que a gente entregue o inferno como ele realmente é..só pode!

Crika disse...

Oi Dani...Deve dar muitas saudades mesmo!Sempre q viajo morro de saudades do Brasil e principalmente do Rio com todos os nossos problemas.Sinto falta de tudo até das coisinhas mais simples...Sobre NY eu nunca morei lá não, mas concordo com o Joel é uma cidade bem gostosa e q acho, eu passaria um tempinho por lá!Gosto e ve as pessoas arrumadas...As Avenidas sempre enumeradas...Os teatros e o verde do Central Park cercado por todos aqueles prédios!

Beijao
Crika

Dani Fariah disse...

Eh Joel, ja falei isso pra ele varias vzs, e tbm acredito que existam muitas mais pessoas boas do que ruins no nosso planetinha. Acredito mesmo!
Quanto as letras, hahahahaha, essa foi boa mesmo, mas saiba que entendi tudinho.

Dani Fariah disse...

Oi Crika, que bom te ver!
Eh Crika, a saudade eh grande, mas sei q quando voltar vai estar aquele Rio 40 graus Cidade Maravilha Purgatorio da Beleza e do Caos, rs.
Ja peguei nas areias de Icarai 47 graus. Estava trabalhando num desafio Voley de Praia, as australianas campeas olimpicas contras as nossas vices. Perdemos pq uma das nossas passou mal de tanto calor. Foi horrivel.
Mas amo minha terra de qualquer maneira. Alias, sou uma amante desse Planeta maravilhoso.
Amanha se der vou escrever sobre um programa q vi aqui, sobre os tigres.
Beijos!!!
Sinta-se abracada!

Te disse...

Dani, tá lindo e essa música é a que mais tem a cara do Rio...ela arrepia a alma....NY é uma cidade envolvente, cheia de energia..eu acho que passaria um tempo lá tranquilamente mas só um tempo porque sair do Brasil never...
Bem Joel me desculpe mas essa é uma opinião apenas porque ninguém pode provar esse tipo de coisa...isso é opinião e dogma, dogma são pensamentos que as pessoas acreditam sem nenhum raciocinio crítico porque assim é dito....não é colocado em questão...acredita´se e pronto...é apenas uma questão de fé...respeito a fé de todas as religiões..ubandistas, africanas, catolicas, crentes, evangelicas, orientais mas não aceito que afirmem coisas sem aceitarem questionamentos...isso é transformar o ser humano em um palerma, é ignorar sua ca pacidade de raciocinio...o inferno , é aqui mesmo...é a miséria, prostituiçaõ infantil...e tantas outras coisas absurdas...sem ninguém tomar conhecimento....é ver seres humanos serem tratados como bichos...

Dani Fariah disse...

Oi Te!
Bom te ver tbm aqui.
Olha, o inferno existe sim, e eu acredito q ele nao fica pra depois, ele eh agora para quem o procura, para quem o atrai.
Existem sim todas essas coisas que vc sitou, mas ainda assim acho que nos brasileiros, cariocas, temos o Brasil que o fazemos ser. Podemos dizer que o universo conspira a nosso favor e que sempre somos responsaveis pela nossa vibracao e poder de atracao. Aquilo q esta no nosso coracao e mente teremos, ruim ou bom, pq o "universo" nao faz selecao de bom ou ruim, ele so obedece.
O Rio ta mau de vibracao.
Ta vibrando errado, ta atraindo errado. Ta deixando a contra-inteligencia fazer festa. Mas tem pessoas que vivem no mesmo Rio e nao passam pelo inferno carioca. Temos o que desejamos, acredito que vibramos errado. Somos arrogantes e prepotentes, esnobamos , tiramos onda com a cara dos outros, achamos que nao precisamos de ordem e de leis, so as que servem para nos protegerem, ou os amigos bem posicionados. Ignoramos o que estamos plantando a nossa volta e depois queremos chamar o Capitao sei la qual do Bope pra ele matar e acabar com os monstros que nos mesmos criamos, e nao eh pq se fuma maconha q se cria monstro nao... A maconha so anestesia e da um tempo na mente de quem ta afim de esquecer um pouco os monstros. Sociologia, antropologia, educacao, lei, espirito grupal (como os indios), amor a si e depois ao proximo (pq quando nos amamos queremos o melhor p o outro ate para que ele nao se vire contra nos). E ta faltando D`us. Mas nao o da vinganca, o distante de nos. Ta faltando o que ensina, o que diz qual o caminho melhor a tomar. Tudo isso falta ao Rio em grande escala, ao mundo em sei la qual.

Dani Fariah disse...

E quando tenho saudade das Barcas que fazem a travessia Rio-Niteroi, eu canto "Eu ia lhe chamar enquanto corria a Barca... Preta preta pretinha!"
Hahahahahahahahaha! As vzs me acho bem louca, mas me adoro assim.

Pedro Costa disse...

Danielle, essa imagem... esse vídeo... essa música...

ISSO NÃO SE FAZ!!! (risos)

abraces!

Claudia Galindo disse...

Dani. Que saudade !!!
Entro no msn para te encontrar e muitas vezes vc esta off...:( Mas adorei entrar no seu blog e poder viajar com vc...suas historias, seus pensamentos, sua alegria de viver !!! Fiquei super feliz de saber que dia 25 vc estara aqui no Brasil !jah pensou em trazer umas coisinhas para vender ?? POde ser um bom negocio ! nao tenho certeza..Bom feriado para vc .
Muitos bjins....
Ate !