domingo, 25 de março de 2007




Este daí é o Morruga, o cachorro da minha tia. Eu adoro cachorros, eles sao fieis, amigos, não falam, são fofos, eu gosto de cachorrões. cachorrão bem grande, gosto de coisas grandes.

Ainda terei um cachorrão só pra mim.

Beijos.
DICAS DA IARA PRA SEGINDONA:
Musica: "Take On Me" do A-Ha, antiga mais eu adoro ouvir.
Blog legal: Olhar cronico Esportivo, do Emerson, figura ele, gosto muito de ir lá e travar boas discussões futebolisticas com ele, só não pode é falar mal do R. Ceni.
Filme?? deixo por conta de voces.
Daniiiiiiiiii????????cade tu??

4 comentários:

JOSE AMBROSIO disse...

Vou ligar pros correios e me informar , te falo depois o que consegui averiguar, sobre o pacote. beijos.

Iara Alencar disse...

querido ambrosio, vamos achar este pacote!!!

poxa, comprei com tanto carino pro correio sumir!!!

mas eu sei onde compreivou lá e compro de novo e mando.

Iara Alencar disse...

Álvaro de Campos

Todas as Cartas de Amor são Ridículas

Todas as cartas de amor são
Ridículas.
Não seriam cartas de amor se não fossem
Ridículas.
Também escrevi em meu tempo cartas de amor,
Como as outras,
Ridículas.

As cartas de amor, se há amor,
Têm de ser
Ridículas.

Mas, afinal,
Só as criaturas que nunca escreveram
Cartas de amor
É que são
Ridículas.

Quem me dera no tempo em que escrevia
Sem dar por isso
Cartas de amor
Ridículas.

A verdade é que hoje
As minhas memórias
Dessas cartas de amor
É que são
Ridículas.

(Todas as palavras esdrúxulas,
Como os sentimentos esdrúxulos,
São naturalmente
Ridículas.)

chicodakombi disse...

Disse a tia da Iara:

- A Tyna, minha cadelinha, é tão esperta que já lê o jornal!

E a outra tia da Iara... nem aí:

- Eu sabia, Morruga me contou.

- Quem é Moruga?

- Ora... Morruga, meu cachorro!!

:o)

Beijo, Iara.